Policia Civil

10/11/2017

Operação Égide prende 19 pessoas no Litoral do Estado

Dezenove pessoas, de idades entre 20 e 57 anos, foram presas nos últimos dias pela Polícia Civil, através da 1ª Subdivisão Policial (SDP) de Paranaguá, durante a operação “Égide”, finalizada na quinta-feira (09/11). A ação teve como objetivo cumprir mandados de prisão, bem como inibir a pratica de crimes violentos no Litoral do Estado.

As prisões ocorreram nas últimas duas semanas, nos bairros Centro, Emboguaçu, Alexandra, Vila Paranaguá, Vila Garcia, Vila São João, Jardim Samambaia, Morro da Cocada, Porto dos Padres, Ilha dos Valadares e Serraria da Rocha – todas regiões de Paranaguá.

Ao longo das diligências 14 homens e cinco mulheres foram presos após o cumprimento de mandados de prisões condenatórias e preventivas, expedidos pelas Varas Criminais do município.Os mandados se referem a crimes contra a vida, o patrimônio, tráfico de drogas, dignidade sexual e abuso de incapaz.

Conforme o delegado-adjunto da 1ª SDP de Paranaguá, Nilson Santos Diniz, com a aproximação da alta temporada e o expressivo fluxo de pessoas, a ação teve o intuito de reprimir a criminalidade na região. “Nesta época o fluxo de pessoas se intensifica no Litoral, com isso, estamos aumentando também as ações policiais que coíbam crimes diversos”, falou o delegado completando que “as ordens judiciais só foram expedidas em virtude das investigações conduzidas pela Polícia Civil”.

A maioria dos investigados já possuem passagem policial. As penas, se condenados, variam de um a 30 anos anos de prisão. Eles permanecem presos na Carceragem Temporária da 1ª SDP de Paranaguá à disposição do Poder Judiciário.

O nome da operação é uma analogia a defesa do cidadão. “Égide” é o nome do escudo de uma deusa grega utilizado para sua defesa.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.