Policia Civil

09/02/2018

Ação conjunta resulta na prisão de envolvidos em crime que deixou policial militar ferida em Guaratuba

Dois homens, envolvidos em uma tentativa de roubo a um posto de combustíveis, situado em Guaratuba, o qual deixou uma policial militar ferida, foram presos no momento em que chegavam em Araucária, na tarde de sexta-feira (09/02). A ação foi realizada de forma conjunta, pelas polícias Civil e Militar, em menos de 24 horas após o crime.

A Polícia Civil de Guaratuba descobriu que a dupla estava em um Cobalt branco, deslocando-se para Araucária. Em posse da informação, a Polícia Militar reforçou o policiamento na cidade e por volta das 15 horas conseguiram abordar os suspeitos na Avenida das Araucárias. No momento da abordagem não houve reação a prisão.

A dupla foi levada à Delegacia de Guaratuba para a realização dos procedimentos de polícia judiciária. “Os autores, em princípio, ainda não se manifestaram a respeito do que os motivou e quais foram as circunstâncias e demais detalhes sobre o ocorrido, mas isso será exaustivamente investigado pela Polícia Civil, até que tenhamos todos os elementos que serão levados ao Ministério Público e ao Poder Judiciário para responsabilizá-los pelos seus atos”, ressaltou o delegado Ivo Dyniewecz Júnior.

O Comandante da Subárea de Guaratuba, capitão Pablo Rodriguez, afirmou que a Polícia Militar iniciou buscas de imediato, logo após o crime, a fim de localizar os suspeitos. “Foi feita uma ampla coleta de dados e estudos. O proprietário do posto atendeu as equipes policiais e cedeu imagens do sistema de câmeras de segurança, bem como a comunidade local, que nos passou informações de toda ordem, possibilitando que a PM trabalhasse com base em informações concretas”, afirmou o capitão.

CRIME – O crime aconteceu na noite de quarta-feira (07/02). Um grupo criminoso entrou no estabelecimento, localizado no Balneário Eliane, e deu voz de assalto aos funcionários. Uma policial militar de folga, que estava no local no momento da ação criminosa, percebeu a movimentação dos homens e logo iniciou uma abordagem.

Os suspeitos não obedeceram a ordem policial e atiraram contra a servidora, ferindo-a na perna, abdômen e pescoço. A policial revidou os disparos e acabou atingindo um dos envolvidos – o qual recebeu atendimento. Os demais fugiram sem levar nada.

A soldada ferida foi atendida no local e levada ao Pronto Socorro da cidade. Depois de estabilizada, recebeu alta e segue em repouso. O suspeito ferido também recebeu atendimento e foi levado ao Hospital de Paranaguá. De lá deve seguir para a delegacia para tomada de medidas cabíveis.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.