PCPR identifica digitais de autor e conclui inquérito de roubo e estupro ocorridos no Litoral
07/06/2021 - 16:34

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) finalizou o inquérito do roubo seguido de estupro contra uma mulher, de 55 anos, ocorrido na madrugada do dia 23 de maio, em Matinhos, no Litoral do Estado. A conclusão aconteceu após a confirmação do laudo papiloscópico indicando a identidade do suspeito. O resultado foi expedido na quarta-feira (2).   

A PCPR realizou perícia no local do crime e encontrou diversas impressões digitais, que foram analisadas e encaminhadas ao banco de dados do Sistema Automatizado de Identificação por Impressão Digital. 

Durante as investigações, a PCPR identificou e localizou os possíveis responsáveis pelo crime. O suspeito do estupro ainda negou o fato, afirmando ter sido o olheiro do fato, sem ter de fato entrado na residência.  

Posteriormente, essa versão foi desmentida pelo laudo papiloscópico, que comprovou que o homem esteve no local. Ele e o outro indivíduo foram presos pela PCPR. 

CRIME- A vítima estava na residência visitando os familiares, que moram no Brasil, quando foi surpreendida por dois homens invadindo o local. Os indivíduos subtraíram diversos objetos da casa.  

Posteriormente ameaçaram a mulher de morte e a estupraram. Ela foi encaminhada ao hospital para atendimento médico.  

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias